APMT conta com uma base missionária na Europa

A IPB a través da sua Agencia Presbiteriana de Missões Transculturais (APMT), em 2007 instalou a primeira base missionária fora do Brasil, para atender as necessidades dos campos onde atuam vários missionários.
A APMT tem trabalhos em vários lugares do mundo atualmente, em todos os continentes. Com o aumento do número de projetos missionários, bem com o crescimento e desenvolvimento dos mesmos, a demanda de assistência aos projetos e aos missionários aumentou consideravelmente, tornando-se cada vez mais difícil continuar dando assistência constante somente a partir do escritório de São Paulo. Com isso, surgiu a necessidade da criação de uma base de apoio mais próxima aos campos. 
O rev. Carlos del Pino, coordenador da “Base Europa” que atende missionários instalados em cinco cidades da Espanha, Portugal, Inglaterra, Escócia, Itália, Romênia e Rússia manifestou: “Escolhemos a Espanha para estabelecer a Base, visto que é o país europeu onde atualmente se encontra o maior número de missionários e projetos da APMT e por algumas facilidades pessoais, tais como a origem espanhola da minha família (sou filho de espanhol) e com isso possuir cidadania espanhola, conhecer o idioma e a cultura desde que nasci”.
enc_miss_europa
Encontro de missionários na Europa.
Ocorreu nos dias 4 a 8 de janeiro de 2010 em Penafiel, Portugal.
Para o rev. Carlos del Pino, a “Base Europa” se dedica a atender diversas frentes de projetos missionários, e resume da seguinte maneira:
a) Plantação de igrejas em Madrid: desde que chegamos em 2007 nos dedicamos a começar um grupo de estudo bíblico e evangelização em nossa própria casa em Torrelodones (grande Madrid), hoje reconhecida como uma congregação da Iglesia Evangélica Presbiteriana de España (filha do trabalho missionário da APMT). Além disso, auxiliamos a um grupo de irmãos que começaram a se reunir em Getafe (grande Madrid) que também já foi organizada como congregação e tem o seu pastor efetivo.
b) Apoio pastoral aos missionários: nossos missionários hoje estão em Portugal, Espanha, Inglaterra, Escócia, Itália e Romênia. Temos dedicado tempo para visitá-los em seus próprios campos para acompanhar e assistir pastoralmente suas famílias, mantemos contato periódico com cada um via e-mail e skype, enviamos quinzenalmente um boletim onde compartilhamos os pedidos de oração de todos e um breve estudo bíblico com fundo missiológico para a edificação da fé dos nossos colegas.
c) Encontro dos Missionários: nos dedicamos a preparar Encontros para todos os nossos missionários e suas famílias. O primeiro foi em Madrid (agosto de 2008) e o segundo, próximo a Porto (janeiro 2010). O terceiro encontro está sendo planejado para julho de 2011 na Itália. Os encontros procuram oferecer tanto uma reciclagem teológica e missiológica, como oportunidades de convivência, trocas de experiências e descanso.
d) Estabelecimento de novos campos, convênios e projetos: buscamos constantemente oportunidades para o estabelecimento de contatos com outros irmãos reformados na Europa com vistas ao estreitamento de laços e parcerias de trabalho missionário, abertura de novos campos, plantação de novas igrejas. Como frutos desse trabalho atualmente a APMT mantém parceria com a Igreja Cristã Presbiteriana de Portugal e Evangelical Presbyterian Church of England and Wales atendendo com missionários a campos dessas respectivas igrejas.
Além disso, já mantemos alguns vínculos com a Iglesia Reformada de España e estamos dando os passos iniciais para um projeto de ampliação do trabalho na Itália em parceria com a Presbyterian Church of America. Outra atividade que atualmente estamos desenvolvendo nesta área é um projeto de expansão no Leste Europeu, com a plantação de quatro novas igrejas na Romênia, o envio do nosso primeiro casal para Albânia e, numa etapa posterior, iniciar trabalhos na Hungria e Bulgária.
e) Hospedagem: nossa casa ou a Base Europa tem se tornado em um lugar de hospedagem de missionários e pastores. Uma das finalidades deste ministério é auxiliar e atender os nossos obreiros em suas necessidades e apresentar aos nossos pastores e outros irmãos, de passagem por Madrid, as dimensões do desafio missionário que a Europa representa atualmente.
enc_fam_europa
Encontro de Familia. Ocorreu em maio de 2009 na igreja de Sevilla, Espanha.
Rosa dirigiu todas as palestras.
Palavras de encorajamento e recomendações do Rev. Carlos del Pino
Precisamos muito de mais obreiros na Europa. Trata-se de um continente que no passado deu uma contribuição inestimável para a expansão do cristianismo em todas as suas dimensões, mas que hoje vive uma realidade de vida completamente longe do evangelho.
A população européia se tornou profundamente secularista e comprometida com o agnosticismo. Ser um cristão aqui é considerado algo primitivo, ridículo e se tornou um sinal de debilidade, a população evangélica na maioria dos países é muito pequena não ultrapassando a 1% na maioria dos casos.
A cultura estabelecida como estilo de vida passa pelo pluralismo exotérico, pela total falta de absolutos e verdades tanto religiosos quanto científicos, pelo extremo do individualismo e autonomia individual, por um orgulho e egoísmo profundos.
A família, como instituição e conceito, tem sido alvo constante de desarticulações e descrédito, com profundo impacto negativo na vida da juventude e da adolescência, fato ligado ao abusivo aumento do alcoolismo, uso de drogas e prostituição entre jovens e adolescentes. Junto a isso vemos o rápido crescimento de medidas oficiais que já legalizaram o casamento homosexual em vários países permitindo inclusive a adoção de crianças por esses casais, a busca da legalização do aborto até ao oitavo mês de gestação (já é legal até o terceiro mês) e, conforme analistas espanhóis, a legitimação da pedofilia como resultado inevitável desse processo.
Poderíamos dizer mais, mas com isso já fica claro que precisamos de mais obreiros aqui. Entretanto, os obreiros a serem enviados devem ser muito bem preparados. Devem ser devidamente formados em teologia e missiologia, mas também devem estar preparados filosoficamente também para compreenderem a realidade da sociedade européia hoje.
Reconhecemos a dureza e a resistência ao evangelho tanto das pessoas como das instituições aqui na Europa. Reconhecemos que este não é um trabalho de curto prazo, nem de resultados numéricos imediatos. Reconhecemos que trabalhar na Europa é um compromisso de longo prazo e que para isso precisamos contar com o apoio permanente da nossa igreja no Brasil. Mas somos muito gratos a Deus pela oportunidade de servi-lo em um contexto de tanta necessidade e carências espirituais.
Contatos
E-mail:  <!– var prefix = 'mailto:'; var suffix = ''; var attribs = ''; var path = 'hr' + 'ef' + '='; var addy93507 = 'revdelpino' + '@'; addy93507 = addy93507 + 'gmail' + '.' + 'com'; document.write( '‘ ); document.write( addy93507 ); document.write( ” ); //–> revdelpino@gmail.com <!– document.write( '‘ ); //–> Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. <!– document.write( '’ ); //–>
Tel: 00xx34-91.859.4199  e  00xx34-687.930639
Skype: del.pino
 
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: