Início > Destaques, Edir Macedo, Entrevistas, Igreja Universal, Matérias Providência, Mundo Cristão, Notícias, Providencia Online, Vida Cristã > Confira o crescimento da Igreja Universal do Reino de Deus na Itália

Confira o crescimento da Igreja Universal do Reino de Deus na Itália

Berço de movimentos intelectuais e literários, como o Renascimento e o Barroco, a Itália extravasa seu sangue artístico na pintura, escultura e arquitetura, com uma inegável contribuição para a história da literatura, ciência, música e artes.

A Igreja Universal do Reino de Deus desembarcou no país em 1993. Lá, a IURD se deparou com a burocracia para a abertura de novas igrejas e enfrenta, até hoje, dificuldades no idioma e cultura, principalmente por parte de pastores que chegam do Brasil.

Para o bispo Wagner Simões, responsável pelo trabalho evangelístico da Igreja na Itália, além desses obstáculos, ainda existem outras circunstâncias que poderiam embargar a Obra no país, como a dificuldade de se levantar pastores e obreiros da própria Itália, por exemplo. Poderiam, porque mesmo enfrentando essas questões administrativas, sociais e culturais, a IURD conseguiu estabelecer a mensagem da Salvação aos italianos.
A principal igreja do país, a Catedral da Fé, ainda é uma criança de 3 anos de idade. Inaugurado em junho de 2007, o templo acomoda 500 pessoas sentadas. Além dela, outras 13 igrejas, espalhadas por Roma, Milão, Torino, Nápoles, Florença e outras cidades, estão com suas portas escancaradas para os mais de 60 milhões de habitantes da Itália (última estimativa populacional, em 2009).
Com tanta gente assim, também não são poucos os problemas enfrentados pela população. As questões sentimentais e familiares são as mais apontadas pelos italianos, quando estes procuram por ajuda espiritual. Além disso, não é apenas a pregação da Palavra que atrai os habitantes. A IURD também possui vários trabalhos sociais, como o “Bandejão”, em que são distribuídos sopa quente, café, chá, lanches e outros alimentos aos mais necessitados.
Com isso, a evangelização da Igreja Universal em solo italiano é maciça. Televisão, jornal, rádio e distribuição diária de folhetos pelas ruas das cidades, com o apoio dos grupos de evangelização e de “resgate” colaboram para o crescimento evangelístico e pela busca da aceitação do Evangelho pelos italianos, já que é forte a influência religiosa no país.
Essa determinação faz com que a cada dia mais e mais igrejas sejam abertas. Roma, por exemplo, é o local da mais nova sede da Igreja Universal na Itália, inaugurada em junho último. Localizado à Viale di Porta Tiburtina, n° 18/20, na zona San Lorenzo, próximo à Estação Termini, o templo fica aberto permanentemente, com quatro reuniões diárias e atendimento espiritual durante as 24 horas do dia.
No dia de sua inauguração, o templo, que estava lotado, recebeu pessoas de várias partes do país, que foram em busca de uma mensagem amiga dada pelo bispo Júlio Freitas, responsável pelos trabalhos evangelísticos da IURD em toda a Europa.
Já as metas no país de Nero não param. Segundo o bispo Wagner Simões, a IURD possui diversos projetos na Itália, que vão desde programas de tevê e rádio, até atingir as camadas mais distantes, com a abertura de outras igrejas.
Sendo assim, é fato que as conquistas da Igreja Universal na Itália, ao longo desses 17 anos, são significativas. Mesmo com toda a tradição religiosa reinante no país, a igreja consegue, passo a passo, ganhar espaço e, aos poucos, a consciência dos italianos.
Talvez seja por isso que, sem mais palavras, mas com o pensamento no crescimento do Evangelho no país, o bispo Wagner Simões afirma, em tom de otimismo e confiança: “Mesmo com toda a dificuldade, vamos arrebentar!”

Frutos do trabalho

“Hoje, sou uma mulher transformada, não existem mais incompreensões entre mim e meu marido. Tenho paciência e não faço mais discursos inúteis. Pelo contrário, sou  sábia e me preocupo mais com o meu casamento.”
“Hoje sou um homem completamente diferente, não sou mais vaidoso e superficial, nem nervoso. Sou uma pessoa serena, feliz e acompanho sempre a minha esposa na igreja.”
Foi com esse discurso que o casal Nívea e Marco resumiu como está atualmente. Segundo Nívea, quando ela e o esposo chegaram à Igreja Universal, em Milão, não eram felizes. “Entre nós existiam muitos problemas causados pelas dúvidas e incertezas relacionadas com o nosso casamento. Tínhamos muitos problemas financeiros também e havia muitas discussões, tensao, falta de confiança e, o pior de tudo, eu tinha a necessidade de indagar meu marido, pois era muito insegura e ciumenta. Existia uma grande desconfiança”, desabafa.
Além de todo esse dilema, o casal também não podia ter filhos. “Quando chegamos à Igreja, ja haviamos decidido nos separar. Mas, graças às oraçoes e à Palavra de Deus, que começou a entrar em meu coraçao, entendi aquilo que deveria fazer”, relata Nívea.
Para ela, foi numa reunião de domingo, dedicada à familia, que tudo começou a mudar. Perseverando nas reuniões e confiante nas pregações, Nívea diz que possui, hoje, um casamento feliz e estabilizado. O sonho de ser mãe tornou-se real através da fé, sem falar na transformação financeira e sentimental que teve o casal. “Temos casa, carro e trabalho. Entre nós nao existe mais a falta de confiança, mas união e compreensão. Só quero estar perto do meu marido e jamais me separar, e também não duvido mais da fidelidade dele. Ele é sempre presente e o nosso relacionamento mudou completamente. Graças a Deus”, finaliza, agradecida.

Fonte: Arca Universal

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: